Construção da casa religiosa E de cultura AFRO ANGOLA/CONGO - Cod. #69C434

INFORMAÇÕES DA RIFA

Meio de entrega da premiação
á combinar com o ganhador
A data do sorteio está marcada para o dia: 20/11/2020

Christiane Mendes.É paulistana, mudou-se para  Caruaru em 2012 onde se formou em pedagogia , desde de sempre  vem buscando organizar sua  vida,como  multiartista, já que ela  é  cantora,compositora e artesã. Chris também é Mulher de terreiro, como ela mesma se  define  é  Zeladora do Sagrado.

Durante sua  vida toda passou  por todas as  situações  de  opressões, racismo e violência quando  criança.Mas, como  toda mulher negra Chris é luta e resistência.  Com  a  separação com  o ex-companheiro, ela conseguiu dividir  uma parte de  um  terreno  que  ambos  haviam  adquiridos… Neste terreno além de sua moradia ,Chris  quer construir o Terreiro e instituto de cultura afro.

Sem a construção finalizada ela  e a filha  estão morando de  aluguel, e o que  ela ganha  como  professora  do  município, não dá para  pagar  o aluguel e ainda  continuar  a  construção da  casa.Ela iniciou uma campanha para  que  os  amigos pudessem ajudar com  algum valor  financeiro ou  material de  construção, infelizmente o que foi arrecadado não deu para finalizar. 

A construção da casa e  do  Terreiro tem além da moradia da Chris, a função social,  já que  o espaço também  abriga  o  Instituto Afro Abayomi, onde ela  desenvolve oficinas, ações culturais e  sociais na comunidade, que é em  um  bairro de periferia.

A construção está parada, sem condições financeiras de comprar material e mão de obra para  continuar, ela fica entre as despesas da casa alugada, e o desespero de buscar  ajuda para finalizar  a  casa.Por este motivo  esta rifando uma de suas obras de arte para  ajudá-la nessa  construção, onde  também realizara suas ações  culturais  e sociais.

Premio: “NEGRA IMAGEM E SEMELHANÇA ” BONECA ABAYOMI FEITO DE MADEIRA, CIZAL E TECIDO RECICLADO DE 45CMTS

Compartilhe para que seja possível mais pessoas contribuírem para essa rifa.